Cazuza completaria 58 anos nesta segunda-feira.

Cazuza, o poeta maior do rock nacional, completaria hoje 58 anos de idade. Agenor de Miranda Araujo Neto, ou Caju, como era conhecido entre os amigos, inspirou uma geração com suas letras-poemas berradas nos rocks do Barão Vermelho ou no estilo bossa nova meio rock and roll de sua carreira solo. Cazuza trouxe para o rock dos anos 80 referências não tão comuns aos roqueiros da época. Fã de Janis Joplin e poeta inspirado pela geração beat, derramava em suas letras dores de cotovelo e noites mal dormidas a lá Dolores Duran.

Com o Barão Vermelho lançou três álbuns de estúdio, entre 1982-1984. Na sua careira solo mais cinco trabalhos  de 1985 à 1989. Após a sua morte, aos 32 anos (07-07-90) foi lançado o inédito “Por Ai” em 1991 e O Poeta Está Vivo – Ao Vivo no Teatro Ipanema 1987, em 2005.

Hoje o Google homenageou  o aniversário do cantor com um doodle.

Discografia:

Barão Vermelho (1982)
Barão Vermelho 2 (1983)
Maior Abandonado (1984)

Exagerado (1985)
Só Se For A Dois (1987)
Ideologia (1988)
O Tempo Não Para – Ao Vivo (1988)
Burguesia (1989)

Por Aí (1991)
O Poeta Está Vivo – Ao Vivo No Teatro Ipanema (2005)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *